Lírios de Vegetais com Camarão Selvagem ao alho e Trufa Negra laminada

O ano, para o blogue, começou da melhor maneira. Ao termos sido convidados pela revista Portugal de Sabores e Tradições para fazermos parte da rubrica “O Segredo de 3” não hesitámos em responder que sim mesmo sem saber muito para o que íamos.

Na verdade, dali, só sabíamos uma coisa: que o ingrediente secreto era a massa e que tínhamos que nos desenvencilhar a preparar um prato com a mesma.
Mas no final não podíamos imaginar que a receção do público fosse tão positiva.

Adoramos cozinhar – é notório que, de há uns meses a esta parte, o número de receitas no blogue aumentou exponencialmente – e portanto o desafio não nos fez estremecer, apenas ansiar pelo dia de preparar o prato.
Graças à Caçarola, que patrocinou a segunda edição, recebemos Lírios de Vegetais e, juntando umas Trufas Negras vindas diretamente de Roma, a receita apareceu claríssima e decidida na nossa cabeça.

Camarões e trufa negra

Para fazermos os  Lírios de Vegetais com Camarão Selvagem ao alho e Trufa Negra laminada precisamos de:

[A receita dá para 2 pessoas]

16 camarões selvagens de Moçambique (preferencialmente) tamanho 40/60
3 dentes de alho médios com casca
160 g de massa Lírios de Vegetais Caçarola
1 folha média de loureiro
4 a 5 lâminas de trufa negra
Azeite q.b.
1 fio de piri piri líquido (usamos Jindungo caseiro)
Sal Grosso q.b.
Gotas de sumo de limão q.b.
Salsa de folha lisa cortada grosseiramente

Começamos por descascar 12 camarões (ainda congelados) e retirar-lhes a cabeça e a tripa. Aos restantes 4 cortamos as antenas, descascamos e limpamos, mantendo sempre a cabeça. Reservamos.
Em água fervente e temperada com sal a gosto, deitamos a massa e deixamo-la cozer consoante indicações da marca.
À parte, numa frigideira larga, deitamos um generoso fio de azeite com 3 dentes de alho com casca e esmagados com as costas de uma colher e deixamos aquecer ligeiramente. Estando quente, juntamos os camarões. Temperamos a gosto com sal e piri-piri e deixamos alourar por 5/6 minutos (os camarões não se querem demasiado cozidos) e umas gotas de sumo limão.
Escorremos a massa e juntamos-la à frigideira para que possa tomar o gosto do alho e dos camarões.
Servimos num prato fundo, decoramos com salsa e trufa laminada a gosto e comemos de imediato.

Trufa negra receita Lirios caçarolaBom apetite!


 

Imagem Revista final
Página dedicada à receita na revista Portugal Sabores & Tradições, número 2 

Uma vez mais, o nosso agradecimento à revista Portugal de Sabores e Tradições pela confiança em nós e à Caçarola pelo patrocínio.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s